in ,

Mandioca Cozinha lança menu de verão

Para celebrar a estação do ano mais festiva e de olho na sazonalidade dos insumos. A chef Madu Melo explora ingredientes pouco usuais oriundos de várias regiões do país.

Entre os pratos clássicos, está o Comercial, servido apenas de terça a sexta (exceto feriados) que é composto por arroz branco, feijão carioca, farofa da casa, salada verde e legumes refogados, composto de abobrinha, chuchu e palma forrageira, cacto vindo do sertão Sergipano para compor o PF da casa. No Comercial, o cliente escolhe se quer ou não proteína de origem animal, tendo as opções: vegano (R$ 15), vegetariano com ovo frito (R$ 18), com bife grelhado (R$ 25), com bife de carne de sol da casa (R$ 25), com filé de frango grelhado (R$ 25) ou ainda com pirarucu na crosta de tapioca (R$ 29). Por mais R$ 9,00 pode-se montar o combo com refresco da casa refil (o sabor varia a cada dia) e doce de abóbora e mandioca com crocante de coco. Servida às quartas-feiras há a Feijoada Tradicional (R$ 28, para 1 pessoa – R$ 38, para duas pessoas)feita com carnes curadas de porco como orelha, lombo e costelinha ou a Feijoada Vegana (R$ 26, para 1 pessoa – R$ 36 para duas pessoas) feita com legumes defumados como abóbora, berinjela, abobrinha e tofu. Ambas acompanham arroz branco, farofa da casa, salada de couve, fatias de laranja e molho de pimenta.

Entre os clássicos de outras regiões brasileiras estão o Arrumadinho (R$ 34), muito servido em botecos recifenses, o prato leva este nome devido à forma que os ingredientes são dispostos no prato, sempre lado a lado. “O arrumadinho tem ser arrumado em uma ordem específica, sempre um ao lado do outro”, explica a chef Madu Melo. O prato é composto por carne de sol e farofa da casa, vinagrete e feijão de corda. Para relembrar o Pará, o souschef Cadu Carneiro traz o Peixe com Açaí (R$ 42). A dupla apresenta ainda a Frigideira do Mar (R$ 28) feita com mexilhões frescos provenientes de Florianópolis e pão de mandioca, uma opção de entrada bem fresca e excelente para acompanhar uma boa taça de Rio Sol Branco (R$ 12), o vinho da casa.

Para os que querem se aventurar um pouco mais no paladar, a chef Madu Melo apresenta o Arroz de Jacaré (R$ 48), servido apenas às sextas, sábados, domingos e feriados. Prato de sabor marcante feito com ponta de cauda, língua e coração de jacaré, com tucupi e jambu. “Sempre gostei de usar ingredientes pouco comuns na minha cozinha. A carne de jacaré está começando a chamar atenção de cozinheiros agora, eu já havia degustado anteriormente em viagens e agora trago para o Mandioca a língua e o coração, cortes que não existem em nenhum restaurante paulista por enquanto.”, reforça. Ainda no bioma Pantanal, o restaurante serve o Pantaneiro (R$ 26 – petisco para duas pessoas), linguiça de jacaré recheada com queijo e acompanhada de pão de mandioca, farofa e vinagrete. Uma ótima opção para quem quer provar a iguaria mas sem ir tão longe.

Para finalizar, a dica é experimentar uma das mais tradicionais sobremesas pernambucanas: o bolo Souza Leão (R$ 14, a fatia), feito com massa puba feita na casa (massa de mandioca fermentada), leite de coco, ovos e manteiga. Essa delícia recebeu o título de Patrimônio Cultural e Imaterial do estado de Pernambuco.

Mandioca Cozinha
Site: mandiocacozinha.com.br
Endereço: Rua Doutor Cesário Mota Junior, 187 
Facebook: 
/mandioca.cozinha
Instagram: 
@mandioca.cozinha

Foto destaque: @gastronominho
Fonte: divulgação

Escrito por Alex Minho

Um designer gráfico autônomo que é apaixonado por gastronomia e começou essa aventura através das hamburguerias, sempre visitando novos lugares e experimentando novos sabores. Em todos os lugares, estamos passando por uma experiência visual junto com a gastronômica.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comments

0 comments