in

[Motivação] Bentô Kids

Empreendedora fatura alto com marmitas saudáveis para crianças

Empresária transformou papinha do filho em negócio de sucesso

Quando nasceu o filho, Enzo, agora com 4 anos, Evelyne Ofugi começou a buscar cursos e leituras online sobre psicopedagogia, panificação, higiene, alimentos infantis, nutrição para bebês e todo tipo de conhecimento sobre cuidados e crescimento das crianças. Para ficar mais próxima de Enzo, Evelyne havia deixado o emprego e ainda não sabia bem que gostaria de trilhar e o que poderia fazer profissionalmente dando prioridade ao acompanhamento do filho. Enquanto isso, fruto de suas pesquisas, nasceram papinhas nutritivas, em formato de bichinhos, que faziam sucesso com Enzo e com as amigas, nas postagens de colocava na internet. Não era para menos – ao mesmo tempo em que servia uma papinha em formato de aranha, por exemplo, a mãe divertia o filho com musiquinhas e gestos sobre o bicho. “Ele se divertia muito e comia tudo”, lembra a mãe.

bento-kids-3

Foi quando uma blogueira viu as postagens e pediu a Evelyne que oferecesse um curso on-line. Para poder atender à solicitação, ela decidiu buscar mais conhecimento e acabou descobrindo o Sebrae. Com o apoio do marido, formalizou-se como microempreendedora individual e fez todos os cursos a distância oferecidos pela instituição, para não deixar de lado os cuidados com o bebê. Ao mesmo tempo, surgiram oportunidades e Evelyne passou a ministrar cursos presenciais na cozinha de uma nutricionista e nas casas de clientes, além de fornecer alimentos para lanches escolares e festas infantis, tudo a partir da propaganda boca a boca.

Assim, a Bentô Kids (bentô significa marmita em japonês) vem crescendo. A aptidão com trabalhos manuais somada à busca de conhecimento e às oportunidades nascidas do talento e do ineditismo da chef transformaram as papinhas de Enzo em um negócio promissor. “Hoje, atendo aos lanches de 30 famílias e tenho 60 na lista de espera. Quando me pedem uma festa, preciso pensar bem antes de aceitar a encomenda, porque minha capacidade de produção é ainda pequena para a demanda que recebo”, explica a empreendedora.

Em sua linha, a Bentô Kids oferece delícias como muffins e bolos sem glúten, lactose e açúcar; tábuas e espetinhos de frutas em formato de bichinhos; pães com farinha de arroz, de batata doce e de milho, além de espinafre, cenoura ou beterraba na massa para dar coloração; pão de queijo sem glúten e lactose e enriquecido com legumes ou verduras, também em formato de bichos; pasteis assados e biscoitos amanteigados sem lactose, feito à base de farinha de amêndoas. Nas receitas, a chef usa legumes sazonais orgânicos fornecidos diretamente por agricultores certificados e sem desperdício. “Faço pesquisas constantes para deixar tudo o mais gostoso e nutritivo possível”, explica.

12107200_695868497180806_1273276025307674486_n

Chegou a hora de Evelyne dar mais um salto. “Estou com uma consultoria do Sebrae estudando a construção de uma cozinha industrial na Asa Norte e saindo da condição de MEI para a de microempresária. Também busco mão de obra para poder crescer”, diz Evelyne Ofugi. Além de ministrar curso em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Santa Catarina e Goiás, a empresária acaba de lançar, na Bienal do Livro do Rio, sua obra “Alegria na cozinha”, da Editora Senac. “Vou fazer um lançamento em Brasília, provavelmente em outubro ou novembro, em espetáculo no Terraço Shopping, unindo meu trabalho à contação de histórias da artista Nyedja Gennari”, diz a empresária, que segue aperfeiçoando constantemente seu trabalho. “O segredo é não parar de estudar”, completa Evelyne Ofugi.

Fonte : PEGN
Fotos : Divulgação/Reprodução

Escrito por Alex Minho

Um designer gráfico autônomo que é apaixonado por gastronomia e começou essa aventura através das hamburguerias, sempre visitando novos lugares e experimentando novos sabores. Em todos os lugares, estamos passando por uma experiência visual junto com a gastronômica.

Comments

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comments

0 comments