in ,

Santo Grão cria versão de prato que é Patrimônio de São Paulo

O Virado à Paulista que virou Patrimônio Imaterial de São Paulo desde 2017

Para os 465 anos da cidade de São Paulo, a rede de cafeterias Santo Grão preparou uma receita especial: Virado à Paulista. O prato que virou Patrimônio Imaterial de São Paulo, reconhecido pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Governo do Estado de SP) desde 2017, vai ganhar sua versão na unidade do Jardins, Itaim e Cidade Jardim.

A receita, elaborada pela chef de criação do Santo Grão, Marcela Neilly, leva tutu – com feijão branco! “É mais leve, rico em vitaminas e ressalta o tempero do tutu e da própria farinha”, explica Marcela. No lugar da bisteca, o Prime Rib – corte nobre da carne de porco – ganha destaque, temperado com limão, pimenta do reino, sal e pimenta chipotle, é feito direto na grelha e finalizado no forno com manteiga de garrafa. E não pode faltar o torresminho crocante, que tem menor teor de gordura do que os demais. Finalizam o prato a banana fatiada e aromatizada com alecrim e a linguiça de lombo. O arroz de jasmim e farofa picante de castanha e tapioca são servidos como acompanhamento.

Para beber, a casa uniu outra tradição paulistana: caipirinha de limão. O prato com a bebida custa R$ 65 e será servido apenas no feriado da sexta-feira, dia 25/01.

SantoGrão
Site:santograo.com.br/unidades
Facebook: /santo.grao
Instagram: @santograo

Foto destaque: reprodução
Fonte: divulgação

Escrito por Alex Minho

Um designer gráfico autônomo que é apaixonado por gastronomia e começou essa aventura através das hamburguerias, sempre visitando novos lugares e experimentando novos sabores. Em todos os lugares, estamos passando por uma experiência visual junto com a gastronômica.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comments

0 comments