fbpx

Schornstein mostra o volume de impostos que as cervejarias pagam

Até 60% do valor da cerveja artesanal que o consumidor leva pra casa quando compra uma garrafa ou lata é revertido em impostos

Estampou suas garrafas com uma régua, que aponta o volume que representa este índice. Esta semana, os lotes com esta informação, começaram a sair da fábrica.

A Schornstein tem 13 anos de mercado e fica em Pomerode (SC). A marca é comercializada em todo o país, atualmente com 17 estilos em linha. A fábrica tem capacidade produtiva de mais de 200 mil litros de cerveja ao mês.

As dificuldades com a carga tributária brasileira, de acordo com o diretor da cervejaria, Adilson Altrão, muitas vezes inviabilizam o acesso do público ao produto e a continuidade dos investimentos necessários no negócio. “É importante que o consumidor saiba que temos uma preocupação ímpar com a qualidade dos processos, insumos e profissionais envolvidos. Mas não é isso, proporcionalmente, que encarece os nossos produtos. Os impostos aplicados a cervejarias são desproporcionais e queremos sensibilizar a população sobre isso”, comenta.

Uma das pioneiras da cerveja artesanal no país, a Schornstein surgiu em 2006 na cidade mais alemã do Brasil. O nome da marca significa chaminé, uma das características do prédio onde foi fundada. 

Cervejaria Schornstein
Site: 
schornstein.com.br
Facebook: 
Cervejaria.Schornstein
Instagram: 
SchornsteinOficial

Foto destaque: reprodução
Fonte: assessoria

Alex Minho

Um designer gráfico autônomo que é apaixonado por gastronomia e começou essa aventura através das hamburguerias, sempre visitando novos lugares e experimentando novos sabores. Em todos os lugares, estamos passando por uma experiência visual junto com a gastronômica.

Deixe o seu comentário

%d blogueiros gostam disto: