fbpx

Testamos o Futuro Burger: gosto e textura de carne, feito 100% de plantas

Futuro Burguer (Fazenda do Futuro)

Imagine poder deliciar-se de um hambúrguer com textura e gosto que remetem a de uma carne animal, mas totalmente feito de plantas. Impossível? Não mais nos dias de hoje.

Lançado neste ano, trata-se de uma “carne” tecnológica, de laboratório e totalmente vegetal. É o primeiro produto brasileiro que mais se aproxima da experiência de comer carne sem envolver um animal.

Hoje em dia, as pessoas mesmo quem não é vegan ou veggie, estão mais abertos a provar novos sabores e diminuir o consumo de carne, sem abrir mão do sabor e de suas qualidades nutricionais.

Cada Futuro Burger tem 115g de peso, com 17g de proteína. Quase igual a da carne de vaca que tem 20g de proteína para cada 100g de carne. E o melhor, sem consumir soja e sem matar nenhum animal.

Provando Claro, como todo produto tão revolucionário e inovador a expectativa é alta. Provei duas vezes este produto: uma na rede de hambúrguerias Lanchonete da Cidade (que achei bem parecido com aquele hambúrguer congelados que se vende nos supermercados) e outra comprando para fazer em casa.

Nessa última, tirei o produto do congelador e descongelei. Temperei conforme meu gosto com sal e umas ervinhas. E levei ao fogo. Montei meu hambúrguer (nessa hora já estava salivando muito e não via a hora de comer aquela gostosura).

A conclusão é de que eu fazendo em casa, passei do ponto recomendado na embalagem. Ao invés de ficar vermelhinho por dentro, ficou cor de carne bem passada/amarronzada. O gosto continuou igual a de um hambúrguer Sadia congelado, inclusive a textura. A grande diferença é que, neste estágio de cocção ele tem uma base em seu sabor de vegetal também. E bem crocante.

 Olha, meu caro leitor. Fica o meu convite a experimentar esta opção de carne sem carne. Sinto que muitos vão amar e outros vão reclamar. É a vida. Recomendo a compra 😉

E esse vale até um momento curiosidades:

  •       O Futuro Burger tem bastante inspiração no Beyond Meat. Uma marca de carnes vegetais americana que tem investimento de Bill Gates.
  • A base da proteína do Futuro Burguer vem da ervilha, da proteína isolada de soja e do grão de bico.
  • Em sua composição usam beterraba para imitar a cor e o sangue da carne.
  • A receita foi desenvolvida por dois anos até chegarem no produto que é vendido hoje no mercado.
  • Tudo sem glúten, sem transgênicos e, claro, sem boi envolvido na história.
  • Quem esta por trás dessa inovação em foodtech, é o criador do Suco do Bem, Marcos Leta.
Avaliação Geral Recomendo comprar? Sim Embalagem: 5/5 Informações: 5/5 Nível de Sabor: 3/5 Qualidade: 3/5 Nível Enjoativo: Baixo Benefícios: Vegano

Marca: Fazenda do Futuro Produto: Futuro Burguer Instagram:  @fazendafuturo

Vale lembrar que todos os produtos aqui mostrados foram achados por mim e escolhidos pela minha pessoa. Sou aquela pessoa do tipo curiosa. Esta coluna ou este post não é patrocinada por nenhuma marca. Contado assim com a liberdade e sinceridade na hora da avaliação. E você? Quer saber em primeira mão das minhas andanças e dos produtos que encontro nos super, mercadinhos, empórios e achados da vida, me segue lá nos stories do Instagram: @CristianFaria. Tem algum produto que gostaria de indicar para testarmos? Escreve pra mim via DM do Instagram. Ela pode ser avaliado aqui na nossa coluna Novidades do Mercado. #NovidadesDoMercado FOTO: Divulgação e Novidades Do Mercado

Deixe o seu comentário

%d blogueiros gostam disto: