in ,

Um pouco sobre a Cutie Okashi e sua confeitaria yogashi

A nova tendência japonesa é na confeitaria

“Confunde-se quem pensa que os doces japoneses estão limitados apenas aos famosos doces de feijão, a confeitaria oriental vai muito além disso.” Explica Caio Shirata, gastrônomo e fundador da empresa Cutie Okashi.

Atualmente existem dois tipos de confeitaria oriental, os chamados Wagashi, que se refere os doces mais tradicionais, como o doce de feijão, que são mais consumidos em cerimoniais, como a cerimônia do chá, por exemplo.

E os chamados Yogashi, que diz respeito a confeitaria fora do Japão, como o famoso Choux Cream, que é de origem francesa, mas caiu no gosto dos japoneses e acabou virando um doce regional.

Criada após uma aventura gastronômica no Japão, a Cutie (fofo) Okashi (doce) traz para São Paulo um novo conceito da confeitaria kawaii japonesa. Com dois sócios no comando, um chef de cozinha e uma jornalista, a empresa tem como maior preocupação levar o melhor da confeitaria oriental através de uma releituras dos doces, com muitas carinhas e cheios de amor! A base de confeitos e chocolates, tornamos seus doces únicos, fofos e presenteáveis para todos os amigos e familiares. Isso se torna visível atráves do logo, o amável Shiba Inu, que não é apenas fofo, pois além da sua raça, que é japonesa, ele é muito conhecida por suas qualidades, como: ousadia, independência e obstinação. A marca também se utiliza de elementos fortes, como as cores amarelo e laranja, que simbolizam decisão e otimismo.

Cutie Okashi
Facebook:
Cutie Okashi
Instagram: @CutieOkashi

Foto destaque: reprodução
Fonte: divulgação

Escrito por Alex Minho

Um designer gráfico autônomo que é apaixonado por gastronomia e começou essa aventura através das hamburguerias, sempre visitando novos lugares e experimentando novos sabores. Em todos os lugares, estamos passando por uma experiência visual junto com a gastronômica.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comments

0 comments